IBOVESPA 107.398,97 −6.278,28 (5,52%)

Saúde

Governo do Estado recebe 250 mil vacinas compradas diretamente do Instituto Butantan

Esta é uma aquisição direta de vacina contra a Covid-19 e não envolve o Ministério da Saúde (MS), e ocorreu em conjunto com outros quatro estados brasileiros

O Governo do Pará recebeu, no final da tarde desta segunda-feira (27), 250 mil doses da vacina CoronaVac. Este é o primeiro lote da compra direta feita pelo Estado junto ao Instituto Butantan, em São Paulo. No total, o Pará adquiriu um milhão de doses desse imunizante contra a covid-19. O governador Helder Barbalho esteve no Aeroporto Internacional de Belém Val-de-Cans Júlio Cezar Ribeiro, em Belém, e monitorou a chegada das vacinas.

Desta vez, a aquisição direta da vacina contra a Covid-19 não envolveu o Ministério da Saúde (MS) e foi feita em conjunto com outros quatro estados brasileiros: Ceará, Espírito Santo, Piauí, e Mato Grosso. O objetivo é complementar o Programa Nacional de Imunizações (PNI).

A dose de vacina adquirida custará US$ 10,30, mesmo valor comercializado com o Ministério da Saúde. A aquisição dos Estados acontece após o término do contrato de exclusividade entre o Ministério e o Instituto Butantan.

"Com essas vacinas a intenção é garantir com que todo público com 18 anos para mais possam ter acesso à CoronaVac enquanto direcionamos as vacinas da Pfizer que estão aprovadas para o público jovem de 12 a 17 anos. Com isso esperamos vacinar rapidamente aqueles que ainda não puderam ser vacinados e aqueles que as faixas de idade não foram contempladas”, explicou o governador Helder Barbalho.

O chefe do Poder Executivo Estadual ressaltou que o reforço das vacinas contra a Covid-19 vai permitir o Estado progredir na campanha de imunização e avançar na redução dos índices da pandemia no Pará. Helder Barbalho detalhou ainda que, por diversas vezes, o Governo do Estado notificou o Governo Federal pela defasagem no número de vacinas recebidas e afirmou que o quantitativo recebido vai auxiliar na redução da defasagem.

“A estratégia é de que possamos somar forças com aquilo que o Ministério da Saúde envia ao Pará, mas o Estado não vai ficar aguardando e vamos agir no sentido de impulsionar a quantidade de vacinas para que possamos fazer chegar a todos os paraenses.  Ainda temos mais de dois milhões de paraenses, que apesar da oferta de vacina ter chegado nas faixas de idades. Precisamos realizar chamamentos para buscar resgatar essas pessoas e para possam estar motivadas a se vacinarem”, ponderou o governador. 

Distribuição - A equipe de logística da Sespa recebeu as vacinas no aeroporto e organizou o envio aos Centros Regionais de Saúde, para distribuição aos 144 municípios paraenses. O envio será feito ao longo da semana, por meio de transporte terrestre, aéreo e fluvial, e contará com o apoio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

Dez milhões de doses distribuídas pelo Estado

Com essa nova remessa, agora adquirida pelo Governo do Pará, o Estado vai superar a marca de 10 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 distribuídas, possibilitando às prefeituras municipais o avanço no calendário de vacinação. Com as novas doses de vacinas, o Pará totaliza 10.780.420 doses de imunizantes recebidos e destinados à população paraense, das quais, 3.3817.990 são da CoronaVac/Sinovac; 3.931.800 da Oxford/AstraZeneca; 2.892.180 da Pfizer e 138.450 da Janssen.

__________

Agência Pará